REPORTAGENS











=========================================================================================

Recomeço sem olhar para trás

Associação Cultural Dynamite - 2006
Marcela Silva

        Há algum tempo fora da mídia, o guitarrista da lendária Legião Urbana, Dado Villa-Lobos, não parou de trabalhar. Agora ele lança seu trabalho solo, chamado "Jardim de Cactus", após quatro anos gravando o CD. Mas foi tão complicado assim gravar um trabalho solo? Não. O caso é que Dado Vem tocando a Rock it!, e também fez as trilhas sonoras dos filmes "Bufo & Spallanzani" (baseado no romance de Rubem Fonseca) e "O Homem do Ano". Tal demora chegou a "irritar" o co-produtor Laufer, que em 2004 tomou uma atitude drástica: "proibiu" Dado de assumir qualquer outro compromisso antes de terminar o CD.

        Quem espera pegar o disquinho e ouvir um revival da banda que deu renome a Dado vai se decepcionar. O álbum não se parece em nada com qualquer trabalho da Legião Urbana. Cheio de referências e parcerias, Dado encontrou uma forma espontânea de levar esse trabalho esquivando-se do antigo modelo violão-bateria-guitarra da Legião e introduziu novas tecnologias e referências musicais inusitadas como o "mantra da compaixão" na música "Diamante", uma citação do Maestro Heitor Villa-Lobos na música "2 Ouvidos" e uma citação na de Chico Buarque na música "Natureza", além de deixar os convidados à vontade para compor. Participam do CD Toni Platão em "Como te Gusta", Laufer em "Laufunk", Fausto Fawcett em "Faveloura & Lov.", Dinho Ouro-Preto e Paralamas do Sucesso na antiqüíssima "Conexão Amazônica" - uma das únicas músicas do Aborto Elétrico que ainda não tinha sido regravada, entre outros artistas.

        "Jardim de Cactus" foi produzido pela Rock it! e lançado pela EMI, que dá todo o suporte na divulgação e nas vendas. Dado decidiu fechar com a Rock it por não conseguir competir com camelôs e toda a pirataria existente no mercado fonográfico. "Cheguei a ver meus artistas produzidos pela Rock it! sendo vendidos a R$ 2 no camelô", afirma Dado. "Não posso competir com camelô", afirma.

        A gravação do DVD foi o primeiro show da banda ao vivo, que nunca tinha subido ao palco, só ensaiado. Inicialmente, o local escolhido para gravação foi à Casa das Caldeiras em São Paulo, porém, a maioria dos convidados são do Rio de Janeiro e a gravação se deu no Teatro Dulcina.

        Apesar da intimidade com o palco, ainda teve de contornar o problema em memorizar letras para poder assumir os vocais. Dado que achou que não conseguiria decorar as canções e se acostumar com a própria voz e afirma que o processo foi "meio esquizofrênico". Os tempos de Legião Urbana passaram e agora Dado assume uma nova faceta diante do cenário musical. "Pode ser o começo, pode ser o começo do fim, mas eu prefiro dizer que é um recomeço", diz. Atualmente Dado e Bonfá enfrentam uma briga judicial com a família de Renato Russo pelo nome da Legião Urbana.


"Não sei nem se estou mais na minha, nem na sua vida"
"Não percebi correntes me prendendo aqui até o instante em que tentei partir."
Fã-Clube Oficial Dado Villa-Lobos. All rights reserved.
Developed by Roberta Raquel Leismann