REPORTAGENS











=========================================================================================

Divertir e informar

        Compositor, guitarrista, produtor, diretor de gravadora independente, ex-legionário e "homem mais bonito do Brasil", Dado Villa-Lobos estréia hoje (4 de junho) seu programa Dado e o Reino Animal na Usina do Som. Semanalmente, os internautas sintonizados no site poderão viajar pela cabeça de um dos maiores nomes da história do rock nacional - visitando sua coleção particular, conferindo tapes raríssimos e novidades e, principalmente, se divertindo com ele. "Quero tocar o que der na telha, mostrar o som que gosto, trazer coisas inéditas da Legião e outras bandas", adianta o músico. "Para fazer tudo isso, uma hora por semana é até pouco..."

        Batizado a partir do nome da banda que formou pré-Legião Urbana, Dado e O Reino Animal teve rápida passagem pela freqüência modulada antes de aportar na web. Agora, segundo o apresentador, o formato vem levemente modificado, ainda que centrado na informação. "Mas a idéia não é ser um programa didático, chato. O que eu quero é ser informal e musical, e sempre trazendo informação também", diz.

        Por isso, o guitarrista pretende misturar a música com cinema e literatura, além de apresentar novas bandas. "A cada programa, vou mostrar uma fita demo de alguém que esteja começando, dar oportunidade para uma banda nova e competente. Além disso, quero trazer convidados para discutir outros temas ligados à música, como Fausto Fawcett, por exemplo, que agora também é escritor", adianta Dado. "Quero também fazer um programa dedicado a trilhas sonoras, chamando alguém para discutir o cinema enquanto rola o som", completa. "Quem sabe até um dia desses não fazemos, no ar, uma mesa redonda para discutir algum tema legal, que tenha a ver com música?", diz, avisando que está cheio de planos para o Dado e o Reino Animal.

        Sobre este primeiro programa, o músico conta que sua intenção foi apenas "dar aos ouvintes uma idéia do que vai ser", e explica também que, nesta estréia, se preocupou em mostrar suas preferências dentro do rock alternativo, através de bandas como Buffalo Tom e Pixies. E, para fazer a primeira entrevista, com Dinho Ouro Preto (vocalista do Capital Inicial), Dado convocou seu filho Nicolau, de apenas 13 anos. "Nicolau entrevistou o Dinho no camarim, logo após um show, foi muito legal", orgulha-se o pai. Dado também explica que quis começar o programa com a cantora Nina Simone, por ela ser uma de suas preferidas. "Adoro vozes femininas", revela. "Para o próximo programa, que cai no dia dos namorados, farei uma seleção só com cantoras", adianta, para aguçar a curiosidade. E garante: "Vai valer a pena dar uma conferida".


"Não sei nem se estou mais na minha, nem na sua vida"
"Não percebi correntes me prendendo aqui até o instante em que tentei partir."
Fã-Clube Oficial Dado Villa-Lobos. All rights reserved.
Developed by Roberta Raquel Leismann